Mentirinhas #525 - Mentirinhas

28 de outubro, 2013 Postado em: Mentirinhas

mentirinhas_516É muito vilão pra pouco herói.

 

comentários

13 Comentários

  • GuilhermeCA disse:

    Nesse final de semana me veio a seguinte pergunta á mente: “Por que continuar? Em um mundo doente e sujo como esse, nascer é o mesmo que uma maldição. O que as crianças fizeram para receber esse castigo? Qual o meu motivo para continuar?”

    Lembrei do sofrimento que traria aos meus pais, de todo o sufoco que passaram para criar três filhos, de todo o esforço que tiveram para passarem os melhores ideias para eles. Continuaria por eles, por esse mundo, procurando gerar uma pequena luz de esperança que iria iluminar poucos, mas esses mesmos poucos tentariam gerar essa luz também. É através de pequenos atos que iremos transformar o mundo, se estamos nessa imundice então temos que ser nós á limpar isso e gerar um futuro melhor.

    Veio uma brisa suave no meu rosto, me levantei e continuei.

  • Ricardo disse:

    É complicado mesmo, mas si não fizermos assim infelizmente não vivemos…
    Nem o Superômi Pode dar jeito desses vilões!!!

  • Zurol disse:

    É complicado quem n gostaria de ficar brincando com o filhão ?

    Mas se eu deixar de trabalhar como meu filhão vai comer e ter um futuro melhor ?

  • Thiago disse:

    Parece até sexta feira… Ao invés do superomi, poderia ser o Monstro….
    E que comece mais uma semana com a inocência e pureza das crianças nos dando lições de como melhorar esse mundo..

  • Sylvia Tamie disse:

    Interessante que,se você analisar,o vilão que o menino está escrevendo é o próprio pai.
    Pena que tanta gente ainda acha que se criam filhos com dinheiro…

  • Carlos V disse:

    Pô, Coala!
    Parece sexta!
    Realmente, quantas coisas que temos que comprar nós realmente precisamos? Quantas dessas coisas nossos filhos realmente precisam? Cresci sem vídeo-game (hoje, adoro jogar heheh) , TV só à noite (e bem pouco) pois nossa TV era à bateria, P&B e a recepção era “meio bem” ruinzinha, mas tive a sorte de ter pais presentes (ainda que não sempre).
    Qual a necessidade real de uma TV de 60” último modelo, o último vídeo-game lançado, o tênis de marca, o carrão superultramega caro? Os melhores momentos são feitos de pequenos e singelos gestos.
    Ótima tirinha!!

  • Preto Pobre disse:

    O ser humano tem necessidade de auto-afirmação.
    Fazemos coisas para provar para nós mesmos podemos aparentar sermos melhores do que somos.

    Hoje o importante é o “ter” e não o “ser”.

    Pessoas importantes são rotuladas em nossas mentes, mas muitas vezes não são cultuadas no coração. Ai quando o bixo pega, a gente se sente impotente e quase desesperado, pois não há respostas para perguntas que se negam se ser feitas.

    To meio passando por um momento complexo… Nega véia entrou na faca hj para resolver um probleminha e a situação não tá muito boa não… Mas a fé mantém o homem seguindo em frente. Nessas horas a gente vê que a coisa mais preciosa do mundo não custa nem um centavo… E como é resistente e frágil ao mesmo tempo…

  • Deko disse:

    quando ta nesse nível, é por que a falta de atenção com a criança ja é tanta, que ela ja ta aprendendo a viver sozinha Oo”

  • Lays Morais disse:

    Fica um grilo enorme atrás da orelha! :c

  • Lucas Lima disse:

    a era do consumismo… “pera que papai vai pagar alguem pra criar vc…”

  • Ana Cláudia Marques disse:

    Abaixo de Deus, aja Superômi pra olhar pelos pais e filhos, amigo Coala.

  • Ana Cláudia Marques disse:

    Perdão: (…) haja Superômi pra olhar pelos pais e filhos (…).

  • Luiz Henrique Carvalho de Oliveira disse:

    Deu mole coala, vim na expectativa achando que ia ter tirinha sobre enem …

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*