Amigos

07 de agosto, 2013 Postado em: Mentirinhas

mentirinhas_473Aposto que a amizade não continuaria a mesma.

comentários

16 Comentários

  • Preto Pobre disse:

    Sabe que essa tirinha me lembrou uma história com um protagonista chamado Adônis?

    Um novo funcionário foi passou um email reclamando para o chefe que o seu email era ridículo e que ficaria deselegante passá-lo para os clientes…

    O Email era [email protected]

    Resposta do Chefe:

    “Entendo bem seu descontentamento, porém, são normas da empresa que a primeira sílaba do primeiro nome mais a primeira do sobrenome formem o seu email. Como seu nome é Vânio Diamantino, infelizmente seu email não pode fugir a regra.
    Assinado: Vitor Adônis
    [email protected]

  • Deko disse:

    ……..uma vez tava a galera em um bar fazendo piada e conhecendo um cara novo amigo do nosso amigo…..depois de varias doses e bebedeiras fazendo piadas de bêbados, mulheres loiras chegou na parte dos Homossexuais….é…..as piadas perderam a graça quando os citados acima falaram “Somos namorados”………….

    Nenhum problema nisso(não é o meu na reta mesmo)….mas ficar encarando o casalzinho depois de meia tonelada de piadas conseguiu encerrar a noite feliz em um clima de “caralho, podiam ter esperado outro dia e não depois das piadas….”

    é…o grandão da tirinha se deu bem….no pior dos caso poderia ter saído ouvindo piadas das quais não teria gostado

  • Lays Morais disse:

    poxa ele é tão fofo… a carinha dele partiu meu coração!

  • Ana disse:

    Xiiii… tá na friendzone.

    E não vai sair nunca xD

  • Ourisso disse:

    Esteriótipos ^^

  • Fex disse:

    Essa tira me lembrou aquela passagem d’O Analista de Bagé, que conta de um bar na referida cidade, daqueles bem buteco, onde os “índio velho”, em passando um cabra com um cabelinho mais bem cortado ou uma barba mais bem feita, já esculhambavam, de “viado” pra além.

    Aí, entra um sujeito com luzes no cabelo, echarpe, camisa com gola em V até o umbigo, botinha branca de salto, pede um bourbon, toma com o dedinho levantado, dá um rodopio e sai. Niguém fala um “a” pra ele: pra entrar ali daquele jeito, tem que ser muito macho!

    Não lembro dos detalhes exatos, mas a ideia é essa.

  • Chipotle-sama disse:

    OMG
    YAOI
    <3

  • Ana Cláudia Marques disse:

    Foi jogar um verde e não colheu nada…
    O Chacrinha tinha razão.

  • Matheus disse:

    HAHAHAHAHAHAHAHAHA
    NAO ACREDITO!! <3

  • Daniel Vas disse:

    Será? Me pergunto. Sim, espera-se que se rolasse algo que a amizade mudasse. Mas nunca se sabe, pode ser que a amizade se mantivesse intacta e houvesse mais aí um amor diferente. Não sei, pode ser.

  • Newton disse:

    Yaoi feelings!

  • Marcelo disse:

    Rapaz,

    Lidar com o preconceito social (ou seja, aquele que a gente “acha” que o cara ou a mulher é uma coisa só por que ele ou ela não gostam do que a maioria gosta é uma confusão só.

    A tirinha é fantástica, pena que o rapazinho ficou “sem”. Manda ele pra cá, mas em carne e osso.. gosto de carinhas assim, parrudinhos! =)

    Abraço Coala!

  • Bruno disse:

    Aposto que isso está mais próximo da realidade do que eu e muitos de nós aqui conseguiríamos imaginar.

  • RBM disse:

    Maldita insegurança masculina, mal posso ver seus movimentos! XD

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*